Pesquisar este blog

quarta-feira, 31 de março de 2010

MENTIRA ABSURDA

Erasmo Carlos cantou muito bem que é uma mentira absurda dizer que a mulher é o “sexo frágil”, o Tremendão estava certo. Que fragilidade tem uma mulher? Para sermos sinceros, somente a fragilidade da conquista, mas esta é sua maior arma no jogo de olhares, acenos e carinhos que se chama sedução.
A mulher se faz de frágil para derrubar a armadura que normalmente a separa de um homem e contra essa espada não existe aço que resista. O choro da mulher é cortante, assim como suas mãos, seu perfume, sua boca.
Somos fadados a acreditar que as mulheres são presentes vindos do Alto e, de fato, o são. Elas dão a luz, na maioria das vezes nos educam e não me venham falar que nos educam mal, pois isso tem que ser avaliado pela consciência de cada um.
Suas mãos são especiais, são peças para serem admiradas, acariciadas, pois são feitas da melhor seda divina que já tocamos, e é, exatamente aí que reside à graça em se gostar de uma mulher, que me perdoem os que preferem outras coisas, mas eu gosto mesmo é de mulher!
Elas falam gostoso, quase manso, com maciez e normalmente sabem pedir as coisas carinho. Essa graça que somente elas têm ainda não foi percebida pelo contingente de homens do planeta, mas é a maior arma de destruição em massa que já foi criada pela humanidade, portanto cuidado! Afinal, suas palavras sempre atingem diretamente o alvo mais frágil que temos, o coração.
A mulher se mexe melindrosamente, numa perfeição absolutamente dobrada, inabalável, para comparar com algo perfeito, mas que vem do nosso lado, o masculino, a mulher é um gol de Pelé, um drible do Garrincha ou a Seleção de 70, de tão perfeita, legítimo futebol arte.
Como todo o craque, as mulheres necessitam de afago, compreensão, companhia, regalias, amizade e sobretudo amor, esse incontestável e incalculável sentimento, pois elas merecem. São mulheres, preenchem nosso vazio, deixam este mundo mais bonito, ao lado das flores fazem do nosso dia a dia e o tornam mais colorido. Enquanto elas existirem teremos motivos para querer ver o sol se pôr, porque logo começará mais um dia e poderemos novamente contemplá-las. Chega logo amanhã...

Um comentário:

  1. Conclusão: VOCÊS(HOMENS) NÃO SERIAM NADA SEM A NOSSA EXISTÊNCIA!!!!

    ResponderExcluir